Relacionamento aberto: o que é? Será que funciona pra mim?

relacionamento aberto: o que é? será que funciona pra mim?

mulher de costa com as mãos juntas

Você já teve a sensação de que falar sobre relacionamento aberto é como adentrar em um campo minado de tabus? Um terreno pouco explorado que toca em assuntos complexos como autoconhecimento, fidelidade, ciúmes e diversas outras temáticas tão importantes a serem discutidas em qualquer outro modo de se relacionar.

Por ser visto com olhos preconceituosos por grande parte da sociedade, que insiste em colocar a monogamia como o modelo ideal, o relacionamento aberto é taxado muitas vezes como um falso relacionamento, em que não há regras ou respeito entre as partes. Porém, isso está bem longe da realidade!

Já está na hora de discutirmos abertamente sobre os envolvimentos amorosos não monogâmicos que existem por aí e que podem funcionar para diferentes pessoas - inclusive você! Embarque conosco nessa reflexão, amiga, e descubra mais sobre o que é relacionamento aberto sem as vendas dos estereótipos que cegam muita gente! Vamos lá?

o que é relacionamento aberto?

Podemos iniciar a nossa conversa considerando relacionamento aberto como o acordo entre duas pessoas que enxergam a exclusividade da relação apenas no campo afetivo. Ou seja, há liberdade para envolvimento físico com terceiros sem que isto seja apontado como traição.

Visto como uma relação de amor livre, o relacionamento aberto questiona as convenções sociais que dizem o que é fidelidade ou não. Como filosofia de vida, o relacionamento aberto também se baseia na visão de que todos nós temos corpos que sentem diferentes tipos de vontade.

O poder sobre como satisfazer nossos próprios desejos não exclui e também não é limitado pela decisão de criar um vínculo emocional mais profundo com outros corpos. A infidelidade aqui se aplica quando há quebra das regras – em decisão conjunta entre as pessoas envolvidas no relacionamento. Sobre isso, a hora de seguirmos para o próximo tópico chegou! ;)

quais as regras para um relacionamento aberto?

Sim, relacionamento aberto exige regras para funcionar de maneira saudável! Afinal, ninguém quer sair com o coração machucado, não é mesmo? Por isso, os direitos e deveres estabelecidos pelo casal devem valer para ambos os membros da relação de maneira igualitária.

As regras básicas tem o papel de firmar o compromisso dessas duas pessoas como uma relação de prioridade, que se diferencia das demais. Casais abertos, por exemplo, podem estipular que não é um problema beijar outras pessoas, mas transar é um ato de traição. Ou então, liberar o sexo apenas com pessoas que não são do círculo social do casal.

O que funciona melhor para ambos pode ser colocado como regra. Seguir o combinado representa o respeito pela relação, a vontade de compartilhar sentimentos mais profundos apenas com o parceiro ou parceira do relacionamento aberto. Esse ponto é crucial, tornando-se a base da confiança do casal!

É comum se questionar se você está em um relacionamento aberto quando cria o hábito de ficar com a mesma pessoa em diferentes ocasiões. Contudo, o ato de "ficar" com alguém é bem diferente de um relacionamento aberto, pois não existe a intenção de aprofundar os laços entre os dois. Logo, o vínculo emocional de um relacionamento aberto é bem maior do que apenas ficar com um conhecido quando surgir a vontade.

a monogamia é sinônimo de relacionamento feliz?

Segundo o estudo feito por pesquisadores da Universidade de Rochester, Estados Unidos, os relacionamentos monogâmicos têm chances de proporcionar felicidade tanto quanto os relacionamentos abertos com acordo explícito entre o casal. A comunicação, o consentimento e o conforto foram critérios importantíssimos para a avaliação.

O que nos leva a refletir que a monogamia, ou relacionamentos fechados, são considerados o padrão por ser um costume, algo cultural. Portanto, a ideia de que faz parte da natureza humana é ser monogâmico cai por terra. Frase polêmica? Com certeza! Porém, pode ser a chave de ignição para uma auto reflexão. Já pensou nisso?

Entender o tipo de relacionamento com o qual você se sente mais confortável é muito importante para que você não quebre expectativas ao namorar e, assim, não acabe se decepcionando com quem está tendo um relacionamento.

Importante frisar que a experiência de abrir um relacionamento fechado ou fechar um relacionamento não monogâmico são opções que devem ser tomadas após conversas sinceras entre o casal. De nada adianta mudar o tipo de relação se uma das partes aceita apenas para satisfazer o outro, ou ainda, se a comunicação não funciona abertamente entre eles.

Quando há responsabilidade afetiva, mais fácil é construir o caminho em direção ao tipo de relacionamento que você sonha em ter! Até porque ninguém deve se sentir na obrigação de assumir um compromisso que não se sente à vontade, não é mesmo?

será que relacionamento aberto é para você?

Certamente você já ouviu alguém falar que relacionamento aberto é somente para quem não é ciumento. Alerta fake news, meninas! Ciúmes não deve ser a métrica usada para saber se você se daria bem neste tipo de relacionamento, afinal somos todos passíveis de ter este tipo de sentimento. Não precisa nem estar em uma relação oficializada para isso acontecer, na verdade!

Para que a questão do ciúmes não seja um problema em sua vida amorosa, é preciso cuidar para que ele não seja destrutivo e te impeça de criar laços de confiança dentro de uma parceria, seja ela monogâmica ou não.

Ainda na busca por entender se relacionamento aberto é uma opção viável para você, a melhor dica é analisar como está a sua vida no momento. Alguns dos principais pontos que precisam ser pensados para entender o seu conforto no que diz respeito a tudo isso são:

  • Entender o seu nível de envolvimento com a pessoa escolhida;
  • Saber que tipo de liberdades você não gostaria de perder ao assumir um compromisso amoroso;
  • Definir a importância que você dá para fidelidade sexual;
  • Listar o que você admite ou não dentro de um relacionamento.

Mas lembre-se: assim como é essencial analisar os seus próprios sentimentos e convicções, também é preciso ser transparente com o outro sobre as suas conclusões e conversar com o/a parceiro/a sobre o assunto a fim de alinhar as expectativas de cada um! Cada relacionamento é único, por isso é importante respeitar a individualidade de ambos para fazer funcionar.

como construir um relacionamento aberto saudável?

As regras do relacionamento aberto podem variar de casal para casal, mas podemos citar alguns pontos que contribuem para que a relação aberta tenha menos atrito e se torne duradoura! Confira:

cuide da estabilidade do seu relacionamento

O que isso quer dizer, Pantys? Bem, nos referimos ao fortalecimento da sua relação principal. Quando o casal está em sinergia e conhece bem os limites um do outro, a tendência é que a relação se mantenha firme para resolver as diferenças de opiniões desde em questões corriqueiras até situações mais difíceis que envolvem os outros parceiros fora do relacionamento.

tenham o hábito de dialogarem sobre tudo

Ao vencer os receios de conversar sobre qualquer assunto, seja assuntos de família, trabalho ou desejos sexuais, a relação aberta tem muito a ganhar! O diálogo impede que ressentimentos e desconfianças se tornem bolas de neve que culminam em discussões feias.

Ficou incomodada com algo que ele/ela fez? Chame para conversar na primeira oportunidade em que vocês estiverem sozinhos/as. Relembre a situação que te chateou, como você se sentiu e o que gostaria que tivesse acontecido para que você não tivesse aquele sentimento ruim.

não caiam na armadilha de criar segredos um do outro

Ao definirem regras, é importante respeitá-las antes de tudo! Caso queira mudar uma delas, hora de debater de novo sobre o acordo de vocês e entrar em um consenso.

Por exemplo, se você combinou de contar sempre com quem ficaram e como foi, mas isso não te deixa totalmente confortável, faça a proposta de evitarem entrar em detalhes sobre o ocorrido. Ajustes são importantes e devem ser feitos sempre que surgir a necessidade!

dê prioridade aos encontros de vocês

Estabeleçam juntos os dias que vocês irão se encontrar: dias fixos na semana ou não, datas comemorativas que são importantes para vocês curtirem juntos por aí vai... Não é porque o relacionamento é aberto que vocês não devem se esforçar para planejar um tempo juntos que seja de qualidade!

saúde sexual é a regra de ouro

Podemos concordar que ter vários parceiros sexuais aumenta as chances de pegar e transmitir doenças sexuais, certo? Se o seu relacionamento aberto permitir relações sexuais com outras pessoas, respeitem a regra de sempre fazerem sexo seguro usando camisinha. Proteger-se é uma maneira de respeito ao seu próprio corpo e também à vida das pessoas com quem você se envolve, amiga!

Todos os apontamentos sobre relacionamento aberto que trouxemos hoje têm a função de te ajudar a desbravar um modelo de relação que pode ou não ser ideal para você. Só de refletir sobre o assunto, já é um ótimo jeito de conhecer suas próprias opiniões, desejos e gostos.

Independente do julgamento alheio, amiga, você tem total direito a se envolver com alguém que te respeite, te apoie e a faça se sentir segura e amada! A forma como isso acontece, em um relacionamento aberto ou fechado, depende exclusivamente da decisão de vocês!

Gostou do post? Aqui no blog da Pantys você encontra diversos conteúdos sobre relacionamentos, cuidados com o corpo e questões que orbitam o universo feminino

Continue sua reflexão do dia lendo o post "Consentimento: por que ainda precisamos falar sobre ele", você vai amar!

Nos vemos por lá, amore <3



últimos posts

Mas você sabe mesmo o que é feminilidade? | Pantys | pantys
Mas você sabe mesmo o que é feminilidade? | Pantys

feminilidade. Ser feminina. Ser mulher. Três conceitos que aparentemente são simples, mas que podem definir quem você é, como se apresenta ao mundo e quais planos fazem parte do seu futuro. 
ler mais >
COP26: cinco ativistas pra acompanhar após o evento | pantys
COP26: cinco ativistas pra acompanhar após o evento

ler mais >
dor durante a relação sexual: vamos juntas desmistificar esse assunto? | pantys
dor durante a relação sexual: vamos juntas desmistificar esse assunto?

a famosa "dor no pé da barriga" durante uma relação já foi motivo de muita discussão, principalmente quando envolve a primeira vez da mulher. contudo, essa é uma dor que possui características distintas... vem entender melhor isso, vem! 
ler mais >

cool. absorbing. obvious.

estamos adicionando pantys na sacola...