anemia e menstruação: existe uma relação entre elas?

anemia e menstruação: existe uma relação entre elas?

Afinal de contas, existe alguma relação entre anemia e menstruação? É verdade mesmo que as mulheres são mais propensas a desenvolver a deficiência de ferro? Se sim, quais são os sinais da anemia?

Aqui, na pantys, nós acreditamos que a informação anda de mãos dadas com o empoderamento feminino. Por isso, o nosso papo hoje é para esclarecer se anemia e menstruação possuem, de fato, alguma relação. E aí, vamos descobrir juntas? Vem com a gente <3

vamos começar entendendo o que é anemia?

No geral, a anemia é caracterizada pela insuficiência da quantidade de ferro no organismo ou deformidade nos glóbulos vermelhos. A verdade é que existem várias causas de anemia, mas hoje vamos falar sobre a anemia por deficiência de ferro, explicada pela menstruação excessiva.

Ou seja, quem tem essa anemia não consegue produzir a quantidade ideal de glóbulos vermelhos. Sem eles, o corpo não recebe todo o oxigênio que deveria e, consequentemente, não funciona muito bem.

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), a anemia é a doença nutricional de maior destaque no mundo todo e atinge cerca de 20% a 30% da população em nível global.

E, sim, é verdade que nós, mulheres, temos mais chances de desenvolver essa complicação de saúde. Então anemia e menstruação têm mesmo uma relação? Em partes, sim.

A anemia por perda de sangue na menstruação pode ser uma realidade porque o fluxo menstrual contém ferro. Dessa maneira, durante o período menstrual, as reservas desse mineral costumam baixar no organismo.

Só para você ter uma ideia, uma mulher precisa de cerca de 18 mg de ferro por dia durante o período menstrual, enquanto os homens demandam apenas a 8 mg do mineral diariamente. Ou seja, anemia e menstruação intensa podem, sim, ter uma relação. Por isso, é super importante ficar atenta aos sinais da doença.

agora vamos aos sintomas da anemia?

Essa doença nutricional pode começar a se desenvolver de maneira lenta e gradual no início e ir se identificando com o tempo. Por isso, os sintomas da anemia podem ficar mais evidentes depois de certo tempo. Veja quais são os principais sinais:

  • Fraqueza;
  • Cansaço constante;
  • Apatia;
  • Dificuldade para manter a concentração;
  • Batimento cardíaco rápido ou irregular;
  • Pele amarela;
  • Palidez,
  • Unhas fracas e quebradiças,
  • Rachaduras no canto da boca.

Se você tem um fluxo menstrual intenso e apresenta os sintomas acima, ou pelo menos alguns deles, é fundamental buscar ajuda médica, combinado? Em diversos casos, o tratamento pode ser bem simples e consiste apenas em apostar em uma dieta rica em ferro.

No entanto, o diagnóstico só pode ser dado por um profissional. Além disso, é válido destacar que a menstruação não é a única causa da anemia, tá? Trata-se de um problema de saúde que exige o olhar de um profissional para o devido diagnóstico e, claro, tratamento.

causas da anemia

Falando em causas da anemia, a doença geralmente é causada por uma alimentação pobre em ferro, baixa absorção do mineral ou fluxo sanguíneo beeem intenso, que chegam à marca de 80 ml.

No caso da anemia e menstruação, especificamente, a doença pode ocorrer porque a quantidade de ferro no organismo diminui naturalmente durante o período menstrual. Por isso, é bem importante manter uma dieta balanceada para repor os níveis do mineral, sobretudo se você tem um fluxo menstrual intenso ;)

nem sempre é culpa da menstruação

Mas é importante ter em mente que a causa da anemia nem sempre é a menstruação, tá? Pelo contrário, na maioria dos casos ela surge em razão de algum desequilíbrio do organismo. Por isso, é muito importante contar com o diagnóstico médico.

Além disso, a menstruação nada mais é do que um processo natural do nosso corpo, ou seja, ela não deve ser sinônimo de muuuitas dores ou qualquer outro tipo de desconforto.

Sendo assim, fique bem atenta aos sinais do organismo durante o seu ciclo menstrual e, se preciso, marque uma consulta com o seu ginecologista. Ah, além disso, não se esqueça da importância das consultas e  exames de rotina, tá? Eles são mega importantes para a prevenção de doenças. Se cuida, amiga <3


conteúdo revisado pela ginecologista:

Dra. Fernanda Fraga, CRM: 5263061.6

instagram: @dra_fernandafraga

o nosso portal menstrual é totalmente focado em fins educacionais e não se destina à tomada de decisões médicas. qualquer dúvida específica sobre sua saúde, entre em contato com seu ginecologista ou médico para maiores esclarecimentos, ok?



cool. absorbing. obvious.