TPM durante a menstruação: é normal?

é normal ter tpm durante a menstruação?

Dor de cabeça, mudança de humor, inchaço e muita vontade de comer chocolate. Esses são alguns sintomas da tensão pré-menstrual (TPM). Entretanto, há quem continue sentindo os sinais mesmo durante o fluxo, ou seja, a tpm durante a menstruação. Ela é normal? Vamos juntas para saber mais?

o que é tpm?

A tensão pré-menstrual trata-se de uma condição que provoca manifestações físicas e emocionais que refletem no comportamento. Ela ocorre, em geral, dez dias antes da menstruação. Porém, é como dizemos aqui na Pantys: cada corpo é único e, por isso, pode variar de mulher para mulher.

Há quem tenha os sintomas cerca de cinco ou dois dias antes do fluxo e também tem as sortudas que não sofrem com nada disso. Porém, vale ressaltar que essas condições podem mudar com o passar dos anos, certo? Afinal de contas, o nosso corpo está sempre mudando. Além disso, há fatores externos que exercem influência, como a alimentação ou a prática esportiva, por exemplo.

tpm durante a menstruação

Algumas de nós têm a TPM durante a menstruação, isto é, as oscilações de humor e os incômodos físicos permanecem mesmo durante a menstruação. Se acontece com você durante alguns dias do fluxo, saiba que não há nada grave, já que, mesmo durante o sangramento, ainda rola uma bagunça hormonal, a grande razão da TPM.

Entretanto, se a TPM durante a menstruação perdura até o fim dela, ou mesmo depois que o sangramento acaba, o melhor é procurar um médico, tá? Como a TPM mexe muito com o nosso emocional, podemos confundi-la com a depressão ou outros problemas de saúde que demandam tratamentos específicos.

Falando nisso, vale citar a o Transtorno Disfórico Pré Menstrual (TDPM) que é uma condição psiquiátrica. Na prática, trata-se de uma TPM com sintomas muito mais intensos, onde as relações pessoais e profissionais começam a ser afetadas.

“Nesse caso, a pessoa precisa de tratamento especializado além do ginecologista, envolvendo psicólogo e até mesmo psiquiatra. Em geral está associada a alguma outra condição como ansiedade e depressão”, explica a ginecologista Ana Cícilia Lourenço.

Mas, se a sua TPM durante a menstruação é daquelas que passam rapidinho, então saiba que há diferentes maneiras de driblá-la e amenizar seus efeitos. Dessa maneira, você ganha mais qualidade de vida e não chora à toa ou se estressa sem motivo aparente. Vamos conferir?

1. para quem sofre com dor de cabeça

A dor de cabeça durante a menstruação, bem como a intolerância à luz, são típicos sintomas capazes de atingir diversas mulheres. Isso acontece porque, durante o período, há uma oscilação da progesterona e do estrógeno, os principais hormônios que regulam o ciclo menstrual.

“o que devo fazer?”

Nesse caso, o ideal é consumir os medicamentos para dor de cabeça que você toma habitualmente. Além disso, a compressa com água morna também pode ajudar a amenizar o incômodo.

Em alguns casos é possível minimizar os sintomas ou se livrar deles, bloqueando o ciclo menstrual através do uso da pílula anticoncepcional Além de evitar a gravidez indesejada, ela confere outros diversos benefícios quando o assunto gira em torno dos sintomas da menstruação.

2.para quem tem oscilações de humor durante a menstruação

A vontade de chorar ou a irritabilidade não passam nunca? Ok, nesse caso, recorrer a um pedaço de chocolate não é nada grave. Entretanto, há outras maneiras de amenizar a mudança de humor durante a menstruação. Além do yoga, atividades físicas, em geral, também podem ser aliadas.

“posso continuar o treino durante a menstruação?”

Se possível, deve! A prática esportiva ajuda a diminuir não somente a tristeza durante a menstruação, como também a cólica. Isso acontece porque, ao concluir os exercícios, o corpo passa a produzir a endorfina e a serotonina, isto é, os hormônios que ajudam a garantir o bem-estar.

3.para quem tem muita fome ou falta de apetite

Tenha em mente que a vontade de comer doce durante a menstruação é super normal e, como dito acima, um docinho ou outro não faz mal. No entanto, nada de exagerar certo?

E há também as meninas que sofrem com a falta de apetite, o que pode ser perigoso e, por isso, demanda atenção, já que a falta de nutrientes pode ser o primeiro passo para uma anemia, por exemplo.

“nesse caso, qual é a melhor saída?”

Diante dessa situação, não tem muito segredo, amiga! O melhor é observar a si mesma e procurar manter uma dieta balanceada, ainda que o problema seja a fome excessiva ou a escassez dela.

O chá de maracujá ou camomila, por exemplo, são excelentes opções. Além de reduzirem a cólica, eles também ajudam a diminuir o estresse. Com relação às frutas, a banana pode ser uma boa aposta, já que possui vitamina B6, potássio e magnésio, prevenindo a retenção de líquido. Estamos juntas nessa missão de autoconhecimento.


conteúdo revisado pela ginecologista:

Dra. Ana Cicília Lourenço - CRM 151499
Instagram: @dra.anacicilia

o nosso portal menstrual é totalmente focado em fins educacionais e não se destina à tomada de decisões médicas. qualquer dúvida específica sobre sua saúde, entre em contato com seu ginecologista ou médico para maiores esclarecimentos, ok?



cool. absorbing. obvious.